Utilizamos cookies e tecnlogias semelhantes a fim de melhorar sua experiência no site. Ao continuar você concorda e aceita nossa  Política de Privacidade  

ANÁLISES & NOTÍCIAS SOBRE VEÍCULOS COM EMISSÃO ZERO

HOME CARROS MOTOS BIKES TECH MERCADO RACING STARTUPS CONTATO PESQUISAR

FIM e Cake firmam parceria para utilizar elétrica Ösa nas provas da entidade

Utilitária elétrica será utilizada por membros da FIM como meio de transporte nos padocks das provas

Por |
Utilitária elétrica Cake Ösa será utilizada como transporte por membros da Fim em provas organizadas pela entidade – Foto: Divulgação Cake

Sintonizada às questões ambientais, a Federação Internacional de Motociclismo (FIM) estabeleceu e planeja futuras categorias elétricas. Para atrair atenção ao enfoque dado pela entidade ao tópico, criou a Semana Sustentável – 31 de maio a 6 junho. E como passo para expandir as iniciativas além do âmbito das pistas, anunciou parceria com Cake: a Ösa será meio de transporte nas áreas dos paddocks.

Quando, quantas motos e em quais provas ou categorias as Ösa serão utilizadas, ainda não foram informados. A posição da FIM até o momento, comunicada por Kátia Juárez, diretora de sustentabilidade da FIM, é “a aliança com Cake será uma ferramenta incrível para facilitar o transporte de nossa equipe durante diferentes eventos com o mínimo de impacto. Esperamos que isso demonstre algumas soluções em transporte alternativo”.

A estratégia rumo à sustentabilidade da Federação Internacional de Motociclismo (FIM) compreende aspectos além dos técnicos e esportivos das categorias propriamente ditas. Abrange cálculos de emissões de CO, promoção do transporte sustentável, e, claro, introdução de novas classes elétricas. Hoje a entidade promove MotoE e Mundial de Trial Elétrico.

“As motos Ösa serão as melhores amigas da equipe FIM, e a ferramenta de trabalho perfeita para preparar grandes eventos. A colaboração estabelece ponte e um primeiro passo rumo às corridas com emissão zero”, analisa Stefan Ytterborn, CEO e fundador da Cake.

Cake anunciou a estreia este ano do One Design Global Championships. O conceito de motocross criado pela startup sueca usufruindo das características do modelo Kalk. Cake já afirmou tratativas em andamento para obter a chancela da FIM para a categoria.

Visão Zev.News

Mesmo sem revelar quantidade ou lumes das transações, a parceria com FIM pode ser considerado mais um acerto estratégico de Cake.

Colocar Ösas como veículos de transporte durante as corridas combina exposição num contexto adequado, para público certo, e transmitindo os atributos da utilitária. Pontos valorizados pelos clientes da marca.

Conforme Stefan Ytterborn enfatizou, a aproximação proporcionada pela parceria pode impulsionar a almejada chancela FIM para o conceito Cake de motocross. E um bom indicador da viabilidade é o reconhecimento da Federação Francesa de Motociclismo do Elektra Future. Evento nos moldes do conceito Cake.

Caso e quando concretizado, o reconhecimento oficial da Federação Internacional de Motociclismo das provas utilizando as Cake Kalk é situação ganha-ganha.

,

Ganha FIM com a inclusão de uma categoria elétrica off-road, semelhante, mas à parte do motocross tradicional. O que evita equiparações necessárias entre modelos a combustão e os elétricos. Tópico espinhoso, conforme demonstrado nas tentativas da extinta Alta Motors em correr nos Estados Unidos.

E ganha sobretudo a Cake. A chancela FIM provavelmente impulsionará o surgimento de mais eventos monomarca Europa afora. E reforçará o gene fora de estrada da Kalk, os atributos técnicos do modelo e criará novo segmento de mercado para a startup.

TÓPICOS RELACIONADOS

EDITOR INDICA

RECEBA NOSSAS MATÉRIAS